Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
16/12/15 às 18h58 - Atualizado em 29/10/18 às 15h33

Controladoria-Geral do DF visita Secretaria para explicar sobre o índice de transparência ativa

COMPARTILHAR

A instrução normativa foi lançada no dia 09 de dezembro e disciplina a divulgação de informações do GDF para a população em sites oficiais

O secretário de Trabalho, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Joe Valle, solicitou um encontro com a equipe da CGDF para falar a respeito do índice de transparência ativa, lançado por esta Controladoria, no Dia Internacional de Combate à Corrupção. A reunião aconteceu nesta terça-feira, 15, às 15 horas, na Secretaria.

 

reuniãosetrab2-300x200-interno

 

Na ocasião, o subcontrolador de Transparência e Controle Social da Controladoria-Geral do DF, Diego Ramalho, explicou sobre a importância do índice e de cada órgão garantir que a norma seja cumprida. “Todas as pastas têm o dever de promover a divulgação de informações de interesse da sociedade nos sites oficiais do governo”, afirmou. Salientou ainda, que a Controladoria-Geral do DF está à disposição das demais secretarias e órgãos interessados em esclarecer possíveis dúvidas a respeito do assunto.  Disse também, que em fevereiro haverá um grande encontro com os órgãos do governo em que será realizada uma apresentação detalhada sobre o índice de transparência ativa.

 

reuniãosetrab3-300x200interno

 

O servidor Bruno Henrique da Controladoria mostrou à equipe da Secretaria de Trabalho a instrução normativa, esmiuçando os critérios de publicação e o formato das informações, tais como: a estrutura do órgão, competências, base jurídica, quem é quem, contatos, contratos, entre outras. A equipe da Secretaria elogiou a iniciativa deste órgão e demonstrou total interesse em atender às recomendações sugeridas.

 

O secretário Joe Valle agradeceu a visita e solicitou a ajuda desta Controladoria-Geral no sentido de fazer uma gestão transparente. “Preciso dar clareza a tudo o que é feito aqui. Vamos radicalizar na transparência”, finalizou.