Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
13/08/19 às 14h43 - Atualizado em 15/08/19 às 19h05

Rede de Observatórios da Despesa Pública se reúne para trocar experiências no combate a fraudes na aplicação de recursos públicos

COMPARTILHAR

Auditores de controle interno da CGDF vão apresentar os resultados do Painel de Risco de Fraudes em Licitações, com análise histórica de 2011 até os dias atuais

 

A Controladoria-Geral do Distrito Federal (CGDF) vai sediar, nesta quarta-feira (14/08), o encontro da Rede de Observatórios da Despesa Pública (ODP), onde será realizado o Seminário de Apresentação dos Estudos de Compras da Rede ODP. A reunião contará com representantes de seis dos 14 estados que integram a rede: Piauí, Bahia, Amazonas, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Distrito Federal.

 

O objetivo da Rede ODP, criada pela Controladoria-Geral da União (CGU), é disseminar boas práticas na área de análise de dados aplicada a temas governamentais, além da criação de uma rede de colaboração entre os entes, que permita o desenvolvimento de trabalhos em conjunto para a detecção de fraudes e aprimoramento da gestão.

 

A Rede ODP busca incrementar o controle dos gastos públicos nos diferentes níveis de governo, por meio de plataforma de Big Data disponibilizada pela CGU aos seus membros.

 

No encontro, os entes vão compartilhar experiências no trabalho de exploração e análise de dados referentes às compras públicas realizadas por meio do ComprasNet, para identificar possíveis indícios de irregularidades.

 

A CGDF apresentará o trabalho desenvolvido pelos auditores de controle interno Leandro Shimabukuro, Marcelo Vilaça e Renata Dumont, que desenvolveram o Painel de Risco de Fraudes em Licitações. Eles apresentarão uma análise histórica de 2011 até os dias atuais.

 

Até o momento, a Rede ODP tem a adesão de 14 estados, 19 Tribunais de Contas Estaduais, 2 Tribunais de Contas Municipais e 1 Ministério Público Estadual.