Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
26/11/15 às 12h35 - Atualizado em 29/10/18 às 15h43

SUBCI apresenta nova estrutura e mudança no modelo de gestão

COMPARTILHAR

Unidade da Controladoria-Geral do DF apresenta nova Reforma Administrativa

 

A nova estrutura da Subcontroladoria de Controle Interno – SUBCI, foi apresentada aos servidores daquela unidade na sexta-feira (20/11), durante reunião realizada no auditório da Escola de Governo. Além das mudanças promovidas na estrutura/organograma, o Controlador-Geral, Henrique Ziller, o Controlador-geral Adjunto, Marcos Tadeu de Andrade, e o Subcontrolador de Controle Interno, Lúcio Carlos de Pinho Filho, explanaram que a principal alteração é no modelo de controle, que privilegia a auditoria continuada.

 

A estrutura da Subcontroladoria de Controle Interno passa a ter nove coordenações de auditoria e serão adotados procedimentos com vistas à otimização do fluxo de trabalho. “É dever do gestor público simplificar”,  afirmou Lúcio Carlos em sua apresentação, ao pontuar alguns encaminhamentos e rotinas que funcionarão no novo formato. Entre os fundamentos técnicos da mudança apresentados pelo Subcontrolador de Controle Interno estão o Planejamento Estratégico Institucional de 2016 a 2019 e o alinhamento do formato de atuação da SUBCI a referenciais técnicos internacionalmente reconhecidos como boas práticas: ISO 31000:2009, COSO 2013 e IACM (referencial de qualidade de controle interno criado pelo Banco Mundial).

 

Conforme ponderou Ziller, é preciso repensar e refletir acerca do atual modelo de gestão dos órgãos de controle pois falta efetividade das ações feitas. “O Controle precisa enxergar todo o orçamento, focar a natureza da despesa e também sua execução”, disse. “É preciso haver mais compromisso com o resultado efetivo das auditorias e, para isso, é necessário que sejam preventivas e continuadas”, concluiu.

 

Marcos Tadeu reforçou sobre as diretrizes a serem implementadas e explicou que o foco eram as contas anuais e agora, com a nova metodologia de verificação, a meta é acompanhar a execução das despesas mês a mês.

 

A reestruturação da SUBCI já está publicada na internet juntamente com a Estruura da CGDF e pode ser conferida aqui.